Notícias

Lei entra em vigor para garantir a boa qualidade do ar interior.#cobresaude

Resultado de imagem para ar condicionado manutençãoLei 13.589/2018, sancionada em 04 de janeiro de 2018, obriga todos os edifícios brasileiros, sejam eles públicos ou privados, a realizarem a manutenção de seus equipamentos e sistemas de ar condicionado. Esta lei já está em vigor para as novas instalações e, no caso de sistemas já instalados, o prazo para cumprimento dos novos requisitos é de 180 dias, após a sua regulamentação.

Frente a esta nova lei, os edifícios deverão adotar um Plano de Manutenção, Operação e Controle para prevenir ou minimizar qualquer tipo de riscos à saúde de seus ocupantes. Este plano deverá estar de acordo com os parâmetros regulamentados pela Resolução 9/2003, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e posteriores alterações, bem como às normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O objetivo deste plano é garantir a boa qualidade do ar interior, considerando os padrões de temperatura, umidade, velocidade do ar, taxa de renovação e grau de pureza.

Esta nova lei será aplicada não só aos edifícios, mas também a ambientes climatizados de uso restrito, como laboratórios e hospitais. Todos deverão obedecer aos regulamentos específicos. Segundo Arnaldo Basile, presidente da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (Abrava), são inúmeras as doenças comprovadas, devido à má qualidade do ar e às manutenções inadequadas dos sistemas de climatização.

Resultado de imagem para ar condicionado manutençãoTanto proprietários quanto usuários de imóveis devem saber que a boa manutenção, quando planejada, traz diversos benefícios para os empreendimentos, dentre elas a redução de custos, substituição de equipamentos que já estão obsoletos, redução de riscos de curtos circuitos, incêndios e acidentes pessoais e uma melhor qualidade de vida a todos.

Para atender às demandas e normas do setor de ar condicionado, a indústria do cobre tem investido em alternativas mais econômicas, eficientes e ecologicamente corretas. Fabricantes do setor de refrigeração e climatização já estão produzindo novos equipamentos de ar condicionado, tanto residenciais como comerciais, com produtos baseados em tubos de pequeno diâmetro de cobre.

Dutos de cobre em redes de ventilação e centrais de ar condicionado promovem a melhoria da qualidade do ar em ambientes fechados, segundo informações da International Copper Association (ICA). A substituição de componentes HVAC (Ar Condicionado), como aletas de trocadores de calor e bandejas de condensação por componentes feitos com ligas de cobre, pode reduzir os contaminantes biológicos que afetam a qualidade do ar.

Para saber um pouco mais sobre a utilização do cobre em equipamentos de ar condicionado acesse: http://procobre.org/pt/aplicacoes/ar-condicionado/ e https://goo.gl/KEvpe4

Cobre, metal essencial para a evolução tecnológica.